Pelo sétimo ano consecutivo, em 13 de fevereiro de 2018, é celebrado o Dia Mundial da Rádio, que neste ano destaca o tema Rádio e Esportes, que foi proposto pela UNESCO como uma oportunidade para fortalecer a diversidade, paz e desenvolvimento através da transmissão de esportes. O Dia Mundial da Rádio oferece uma ocasião anual para comemorar o rádio e sua contribuição para o debate democrático através da informação e interação com o público.

O tema do World Radio Day coincide este ano com a realização de grandes eventos esportivos, como os Jogos Olímpicos de Inverno, que têm a capacidade de unir os corações e as mentes de pessoas de todo o mundo.

 

A UNESCO convida todas as estações de rádio e organizações de apoio para se juntarem ao Dia Mundial da Rádio de 2018 , uma oportunidade para fortalecer a diversidade, a paz e o desenvolvimento através da transmissão de esportes, para mostrar a beleza dos esportes em toda a sua diversidade, bem como a celebração de esportes tradicionais, que se conectam com o património cultural, os esportes populares, que se unem com as comunidades e incentivam histórias que desafiam os estereótipos de gênero e cobrem, igualmente, os eventos esportivos de homens e mulheres .

 

Na sua mensagem por ocasião do Dia Mundial da Rádio, o Secretário-Geral das Nações Unidas, António Guterres, fez um apelo para celebrar "rádio e esportes como meios para ajudar as pessoas a desenvolverem todo seu potencial".

 

Da mesma forma, o diretor-geral da UNESCO, Audrey Azoulay , afirmou que o rádio "pode ​​ajudar a combater os estereótipos racistas ou xenófobos que, infelizmente, são expressos em terrenos esportivos e fora deles". Ele serve para informar sobre uma ampla gama de esportes As equipes tradicionais, muito além das elites, são uma oportunidade para manter a diversidade viva como um fator que promove o diálogo e a tolerância.

 

A luta pela igualdade de gênero é um aspecto essencial desta iniciativa. De acordo com o relatório do Projeto de Monitoramento Global de Mídia, que recebe o apoio da UNESCO, a mídia só dedica 4% de conteúdo esportivo ao esporte feminino. As mulheres apresentam apenas 12% da informação esportiva ".

 

O rádio atinge o maior número de ouvintes do mundo. Nesta era de avanços espetaculares nas comunicações, o rádio mantém sua capacidade de entreter, educar, informar e motivar.

 

 

UNESCO / ONU