Na quarta-feira, dia 28, foi concluído o desligamento do sinal analógico de TV em Florianópolis e mais seis municípios de Santa Catarina – Antônio Carlos, Biguaçu, Palhoça, Paulo Lopes, São José e São Pedro de Alcântara. A implantação do sinal digital na região cobre agora quase 1 milhão de pessoas.

 

O desligamento nos municípios de Santa Catarina começou em 31 de janeiro e aconteceu gradativamente, cumprindo uma determinação do Gired, grupo responsável pela implantação da TV digital no Brasil. É que na véspera da data prevista para desligar o sinal analógico, uma pesquisa realizada nas sete cidades constatou que 89% das residências estavam prontas para receber o sinal digital, o que inviabilizou o desligamento imediato.

 

Segundo informações Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), até agora já foram distribuídos 77% dos conversores de TV digital para famílias beneficiárias de programas sociais do governo federal daquela região. A distribuição continuará até 29 de março.

 

Interior de São Paulo - Também na quarta-feira o presidente da Anatel, Juarez Quadros, confirmou o desligamento do sinal analógico em São José do Rio Preto (SP) para o dia 28 de março. De acordo a agência na quarta-feira, 28, nos demais municípios do estado, o sinal será desligado até o final do ano.

 

A Anatel também informou que a pesquisa Ibope, que indicará o percentual de domicílios que já contam com o sinal digital, será realizada uma semana antes da data marcada para o desligamento do sinal analógico na localidade. O desligamento somente se confirmará se o percentual for igual ou superior a 90%. O presidente da Seja Digital, Antonio Martelletto, também esteve em São José do Rio Preto e informou que a central de atendimento da instituição recebe cerca de 3 milhões de chamadas por mês.

 


Tela Viva/Signis Brasil